Lisboa

Ir ao barbeiro é uma chatice. É uma espécie de viagem de taxi. Conversa-se sobre o Governo, o estado do país, a saúde, os hospitais e a gripe. São os golpes e cortes que dramatizam a vida actual dos portugueses.
Entre os cortes do Governo e no intervalo das tesouradas do barbeiro, há quem fique expectante a olhar-se no espelho.
Que se passará pela cabeça de cada um enquanto se está em silêncio diante de si mesmo?

barbeiro

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s